Liduina do Nascimento
Inspirações poéticas, tema livre, nesse poema em construção que é viver.
Capa Meu Diário Textos Perfil





Apressado




E o tempo não viu, passou apressado
não sabia se era importante,
não ouviu as batidas aceleradas
do coração e das asas, levou as flores
fragilizadas, o tempo e o vento
não perdoam nada.

Cuidado para não arruinar os sonhos
que ficam sem rumo voando por aí
sem ter para onde ir ...

O tempo é duro,

foi nem olhou para trás, trocou tudo,
deixando no lugar outros sentimentos.
Derramou antes algumas sementes,
cabe a cada um saber o que vai colher.

Não fique na estrada com os pés ardendo
pelo fogo do sol rachando o chão.
Esqueça o tempo, pisoteie a desilusão.
Ainda dá tempo, tome fôlego, renove
a sua alma, acalme o seu coração.
Liduina do Nascimento
Enviado por Liduina do Nascimento em 12/02/2021
Copyright © 2021. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.